AGRICULTURA DE PRECISÃO: UM ESTUDO SOBRE FERRAMENTAS E TÉCNICAS INOVADORAS NO AGRONEGÓCIO

AGRICULTURA DE PRECISÃO: UM ESTUDO SOBRE FERRAMENTAS E TÉCNICAS INOVADORAS NO AGRONEGÓCIO

  • Vanderlei Da Silva Sampaio Faculdade Alfa
Palavras-chave: Agricultura de precisão; Agronegócio; Gestão.

Resumo

RESUMO: O desenvolvimento de novas tecnologias e seu uso nas empresas também pode ser considerado em relação à agricultura, que pode ser denominada como um conjunto de várias técnicas utilizadas na cultivação de produtos, os quais possam ser utilizados como uma matéria-prima para fabricação de outros produtos e alimentos, como também consumidos. Já a agricultura de precisão é uma prática agrícola que utiliza como auxílio à tecnologia no processo agrícola, sendo um processo gerencial que funciona na coleta de dados e informações, os quais consideram a viabilidade tanto do solo como do clima, durante o processo agrícola; isso traz várias possibilidades que beneficiam os agricultores, permitindo, assim, um gerenciamento mais adequado de suas propriedades. A questão norteadora deste trabalho visa responder sobre como utilizar as estratégias de gestão na agricultura de precisão, para resolver os problemas dos agricultores, tirando proveito da tecnologia, recursos e técnicas disponíveis para aumentar a produtividade econômica. Dessa forma, temos o objetivo de estudar as técnicas e ferramentas utilizadas na agricultura de precisão, de forma que isso auxilie para uma melhor compreensão em relação à tomada de decisão no processo. O universo da pesquisa de campo foi com a Planovale - Assessoria Agrícola e Corretora de Seguros Ltda., baseando-se no critério de relevância para a pesquisa; quanto à amostragem, foi utilizado o critério de acessibilidade do material e pessoal cedido pela empresa, sendo um total de dezenove funcionários empregados na Planovale.Nove pessoas, com mais relevância para o desenvolvimento do trabalho, participaram da pesquisa e responderam à entrevista.Como resultado, foi possível verificar o processo de gestão na agricultura de precisão, conseguindo mensurar os fatores envolvidos no processo produtivo, além de descobrir quais os melhores meios para se chegar a um resultado satisfatório, com menores custos de maximização de recursos disponíveis, bem como evitando perdas. É possível então concluir que o sistema aplicado pela empresa traz uma solução simples, com a qual o gestor agrônomo pode ter controle de todo o seu trabalho, efetivando-o de maneira mais fácil e com melhor qualidade possível. Com o uso do sistema, podem-se obter resultados com um serviço rápido e de qualidade, facilitando assim as análises com melhores performances.

 

Referências

6 REFERÊNCIAS
ARAÚJO. M. J. Fundamentos de Agronegócios. São Paulo: Atlas, 2003.
BALASTREIRE, L. A.; BAIO, F. H. R. Avaliação de uma metodologia pratica para o mapeamento de plantas daninhas. Revista Brasileira Engenharia Agrícola Ambiental, Campina Grande, v.5, n.2, p. 349-352, 2001.
BELLAVER, Cláudio. Pesquisa, desenvolvimento, inovação para o empreendedorismo no agronegócio. Palestra apresentada no SAPIA/Adisseo, São Paulo SP, 23 de maio de 2006.
BERNARDI, A. C. C. et al. (Ed.). Agricultura de precisão: resultados de um novo olhar. 1. Ed. Brasília, DF: Embrapa, 2004.
CALLADO, A. A. C. Agronegócio. 1. ed. São Paulo: Atlas, 2006.
CALZAVARA, O. Planejamento da atividade agrícola na dinâmica da mudança. IN: Congresso Brasileiro de Soja. Londrina: Embrapa, 1999.
EMBRAPA. Agricultura de precisão. Histórico. 2000.
FERNANDES, B. M. Cercas do latifúndio: Agronegócio é o novo nome fantasia da agricultura capitalista, que tenta modernizar sua imagem, mas reforça a exploração e concentração de terra - 20/05/2005.
GIOTTO, E.; SULZBACH, L.; ANTUNES, M. U. F.; SILVA, D. V. R. A Agricultura de Precisão: com o Sistema CR Campeiro 6. Santa Maria, 2007.
HERMANN, P. R. – O engenheiro agrícola na indústria de máquinas agrícolas. Apud CORTEZ, L. A. B.; MAGALHÃES, P. S. G. – Introdução à engenharia agrícola. Campinas, SP: Editora da UNICAMP, 1992.
HEMMING, J; RATH, T. Computervision- based weed identification under Field conditions using controlled lighting. Journal Agricultural Engineering Research, v.78, n.3, p.233-243, 2001.
JUNTOLLI, F. V. Agricultura de Precisão - Boletim Técnico. LIMA, A.J.P.
MARTINS, G. A. Estudo de caso: uma reflexão sobre a aplicabilidade em pesquisas no Brasil. Revista de Contabilidade e Organizações, v. 2, n. 2, Jan./Abr., 2006, p. 9-18.
MENDES, J. T. G.; PADILHA JUNIOR, João Batista. Agronegócio: uma abordagem econômica. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2003.
MANUAL DE OSLO. Proposta de diretrizes para coleta e interpretação de dados sobre inovação tecnológica. FINEP – tradução português, 2004.
REIS, D. R. Gestão da inovação tecnológica. Barueri – SP.: Mamole, 2004 SANTOS, G. J. dos; MARION, J. C. Administração de Custos na Agropecuária. São Paulo: Atlas, 1996. SPEZIA, G. Automatic test bench for measurement of magnetic interference on lvdts. IEEE transactions on instrumentation and measurement, vol. 60, no. 5, may 2011.
VERGARA S. C. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 5 ed. São Paulo: Atlas, 2004.
ZIMBACK, C. R. L. Análise espacial de atributos químicos de solos para fins de mapeamento da fertilidade do solo. 2001. 114 f. Tese (Livre-Docência) - Faculdade de Ciências Agronômicas, Universidade Estadual Paulista, Botucatu, 2001
Publicado
2019-11-07